//
Acrescente
Artes, Cultura, Exposição, Lá Fora, Pintura, Urbano

Dalata: na fronteira do oculto

Voltar+

Foi aberta ontem, 03 de julho, a exposição “Cartas na manga”, do mineiro André Gonzaga “Dalata”, na Matilha Cultural (SP). A diversidade e a complexidade das obras fazem o queixo de qualquer mortal cair ladeira abaixo. Segundo o release no site da Matilha, “o artista retrata o cenário urbano e seus moradores, tranformando-os em florestas obscuras e criaturas fantásticas.” E é muito mais que isso.

Nessa série, Dalata bota os olhos do espectador em movimento, além da própria imaginação e referências. É possível perceber signos que contrastam com a tradição ocultista seja nos quadros de gênios como Bosch ou William Blake, além da poética de Baudelaire. Ao mesmo tempo, os signos utilizados como as aves, o peixe e o gato também enfatizam essa temática, aquela que leva o homem para dentro de si, com os vários olhares do mundo mirando-o, querendo de si algo que não está, necessariamente, na pele.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Leia!

Tryoka Koletiva

Obvious

Sons & Vibrações

Blog de Fotografia

BLOG

%d blogueiros gostam disto: